Visit Us On TwitterVisit Us On FacebookVisit Us On LinkedinVisit Us On Instagram
Cosmetic InnovationEmpresas & Negócios Radar20 marcas do setor cosmético com significados e origens que pouca gente conhece

20 marcas do setor cosmético com significados e origens que pouca gente conhece

  • Written by:
As histórias incríveis de marcas famosas como AVON, Natura, M.A.C e O Boticário

Algumas marcas têm nomes que explicam a origem ou os valores da instituição de maneira bem óbvia, enquanto em outros casos é preciso entender sobre curiosidades históricas ou mitologia para o nome fazer algum sentido.

Abaixo você pode conferir mais algumas empresas e marcas que têm nomes com um significado bem interessante ou, no mínimo, curioso.

Pantene

marca_pantene

O principal ingrediente dos produtos da Pantene é a pro-vitamina B5, pantenol, então a empresa suíça decidiu destacar isso para se diferenciar no mercado, e o nome do ingrediente acabou virando a marca.

Tresemmé

marca_treseme

Em francês, a frase “très-aimé” quer dizer “muito amado”. A grafia levemente diferente foi para fazer uma homenagem a uma especialista em cuidados capilares chamada Edna Emmé.

Venus

marca_venus

Ramificação da Gillette voltada para mulheres, o nome Venus é inspirado pela deusa romana do amor, sexo e fertilidade.

Dove

marca_dove

No começo, a marca era exclusiva de militares. Foi assim que veio a pomba do logotipo, um animal que representa a paz. Vale dizer também que ‘dove’ significa pomba em inglês.

Chanel

marca_chanel

As duas lestras “C” entrelaçadas representam as iniciais da fundadora da marca, Coco Chanel.

M.A.C

marca_mac

Nenhum significado obscuro aqui. A canadense M.A.C foi fundada por um maquiador e um fotógrafo cansados de como as maquiagens normalmente pareciam ruins nas fotos de editoriais. Na cozinha deles, decidiram colocar mãos à obra e criar os próprios produtos. Mas a maior sacada mesmo foi embalar os cosméticos em potinhos pretos, em vez dos famosos compactos, algo que logo virou a marca-registrada da companhia. Quanto ao nome, nada de mistério, é simplesmente as iniciais de Make-up Art Cosmetics (Maquiagem Arte Cosméticos). Ai, a simplicidade!

Natura

marca_natura

Uma das maiores empresas de cosméticos do mundo, a Natura nasceu em 1969 como uma lojinha em São Paulo. Interessado em fabricar produtos especialmente criados para a diversa pele do povo brasileiro, o co-fundador da empresa Luiz Seabra escolheu para o negócio um nome que remetia aos hippies da época, além de explicitar um dos ideiais do negócio até hoje: o valor da natureza.

O Boticário

marca_boticario

Nada de significado illuminati aqui. “Boticário” é simplesmente a antiga denominação de farmacêutico. E, bem, foi assim que a gigante brasileira dos cosméticos começou: como uma farmácia. Em 1977, no centro de Curitiba, no Paraná, Miguel Krigsner abria as portas de um negócio de manipulação de medicamentos. Com um atendimento diferenciado, o lugar fazia sucesso e, em pouco tempo, ele resolveu aventura-se, também, na produção de outros produtos – um creme hidratante, um xampu e uma colônia. Nascia aí uma história de sucesso!

AVON

marca_avon

A AVON nem sempre foi AVON e muito menos quer dizer NOVA ao contrário. Começou como “Union Publishing Company”, empresa de venda de livros e revistas porta a porta na qual o jovem farmacêutico David McConnell trabalhava. Em pouco tempo, de vendedor ele passou a supervisor e, em 1886, comprou metade da firma. Percebeu que as mulheres ficavam mais interessadas nas amostras grátis de perfume que levava do que nos livros. Enxergou aí um potencial e renomeou o negócio para “California Perfume Company”. Anos depois, após uma viagem para Stratford-upon-Avon, cidade-natal de Shakespeare na Inglaterra, achou o lugar muito parecido com a região de Nova York onde cresceu. Nascia a AVON.

Mary Kay

marca_mary_kay

Essa é fácil! Mary Kay é o apelido de Mary Kathlyn Wagner, norte-americana que aos 45 anos resolveu criar a própria empresa de cosméticos. Antes de iniciar o negócio, entretanto, trabalhou como vendedora porta a porta de livros. Viu um dos homens que treinou ser promovido no lugar dela e resolveu sair de cena e escrever um livro para ajudar outras mulheres a tocarem os próprios negócios. O livro acabou por despertar nela o desejo de desenvolver um projeto para chamar de “seu”. Ainda bem!

Sephora

marca_sephora

Claro que uma empresa com um nome tão pomposo teria uma explicação, digamos, maravilhosa para o mesmo. Sephora é a junção de “Zipporah”, a esposa de Moisés no Livro Êxodo conhecida pela beleza descomunal, com “Sephosis”, termo grego para definir vaidade. Franceses!

Urban Decay

marca_urbandecay

A tradução seria “Decadência Urbana”, o que soa um tanto estranho para uma marca de beleza, não? O fato é que o nome foi escolhido não pelo significado, mas pela sonoridade. E deu certo! Além de perfeitamente combinar com a proposta moderninha da empresa norte-americana.

Make Up Forever

marca_make_for_ever

Criada na França nos anos 1980, a Make Up Forever foi uma ideia da então artista plástica Dany Sanz. Quando trabalhava na produção de um teatro, o diretor pediu para que ela pintasse o corpo de um dos atores. Quando viu a “criação” em movimento, não teve dúvidas: essa seria a paixão dela. O nome veio naturalmente, a partir do compromisso da maquiadora com a profissão “for pros, for you, for ever” (“para profissionais, para você, para sempre”). Não à toa, a marca é conhecida pela qualidade dos produtos.

OPI

marca_opi

Ai, os esmaltes da OPI! E, quem diria, o nome da marca é o acrônimo de um deslocado Odontorium Products Inc. Sim, por mais estranho que isso possa parecer, a empresa começou como uma firma de equipamentos odontológicos. Choque!

Nyx

marca_nyx

Queridinha de quem é obcecada por maquiagem, mas não tem muito dinheiro para gastar, a Nyx foi criada em 1999 por Toni Ko. “Percebi que existia uma grande brecha entre as marcas de prestígio vendidas nas lojas de departamento e as populares, distribuídas nas farmácias. E não havia nenhum produto de qualidade com uma embalagem bonita e com um preço amigo. Minha missão foi fechar essa brecha”, contou ela certa vez. E, por mais incrível que pareça, não existe um significado metafísico por trás do nome, não. Nyx, na mitologia grega, é a personificação da noite. Simples assim, tá?

NARS

marca_nars

NARS é basicamente o sobrenome do fundador da marca, o francês François Nars. E é mais uma gigante dos cosméticos criada por um maquiador frustrado com as opções disponíveis no mercado. Decepção transformada em milhões de dólares!

Benefit

marca_benefit

Essa história é maravilhosa! Conhecida pelas embalagens incríveis e pelos nomes, hum, estranhos dos produtos, a Benefit, empresa norte-americana criada pelas gêmeas idênticas Jean e Jane Ford, começou como uma pequena loja de cosméticos chamada “The Face Place”. Criada em São Francisco, Califórnia, em 1976, a marca logo de cara se destacou pela proposta diferenciada e por um certo “corante” para lábios e bochechas. O então chamado “Rose Tint”, a primeira criação das irmãs, foi desenvolvido especialmente para uma dançarina que gostaria de ter mais cor nos mamilos dela. Hoje, chamado Benetint, é o best-seller da empresa. O fato é que a companhia só mudou de nome mesmo nos começo dos anos 1990, quando, com uma inevitável expansão internacional, ficou decidido que precisavam de algo mais forte. Após uma viagam à Itália, Jane colocou na cabeça que deveria ser algo com a palavra “Bene” (bom). Nascia a Benefit (benefício).

Nivea

marca_nivea

O famoso creme Nivea foi o primeiro creme hidratante do mundo. Desde sempre foi associado à saúde e beleza da pele, principalmente pelo sector feminino da sociedade.

A origem da creme nívea inicia-se com uma descoberta feita pelo químico Isaac Lifschutz, que após décadas de intensa investigação, conseguiu criar o primeiro agente emoliente baseado na cera retirada da lã de ovelha (lanolina) e que permitia que o óleo e a água fossem misturados e permanecessem juntos. Até esta altura os produtos cosméticos eram feitos com base em gorduras vegetais e animais, o que provocava a sua rápida decomposição. Tendo noção que o que havia descoberto teria um enorme potencial a nível da cosmética, Lifschutz deu-lhe o nome de ”Eucerite” (cera da beleza).

Decorria o ano de 1911 o quando o Dr. Oskar Troplowitz, proprietário da farmácia Beiersdorf, situada na cidade de Hamburgo, Alemanha, decidiu juntar-se a Isaac Lifschutz e ao dermatologista Paul Gerson Unna, para os três criarem um creme hidratante com base no agente emoliente que Lifschutz havia inventado. A palavra Nivea significa neve, em latim

Maybelline

marca_maybelline

Tudo começou quando uma jovem adolescente americana chamada Maybel Williams, testava receitas de beleza em sua casa nos arredores de Chicago, estado de Illinois.

Uma dessas receitas foi aplicar vaselina e carvão (que é responsável pela cor) sobre os cílios. Isso chamou a atenção de seu irmão, T.L. Williams, que observava e analisava com curiosidade o que Maybel fazia. O objetivo dessa experiência? Aumentar os cílios! Com isso, T.L. Williams, de apenas 19 anos, transformou a receita de sua irmã em um grande sucesso comercial, e fundou a MAYBELLINE COMPANY em 1915.

Na hora de batizar a invenção, T.L. decidiu homenagear sua inspiração maior. Sendo assim, fez a união do nome de sua irmã (Maybel) às quatro últimas letras da palavra vaseline (vaselina, em inglês), um dos componentes do novo cosmético.

Após dois anos, introduziu seu primeiro produto no mercado: Maybelline Cake Mascara, o primeiro cosmético moderno para os olhos, indicado para urso diário, que era mistura mais segura de vaselina com pó de carvão.

Unilever

marca_unilever

A Unilever é uma empresa que possuí diversas marcas no ramo de alimentação, limpeza, Higiene, beleza entre outros. Seu logo, curioso, é a vogal U composta por 24 símbolos diversificados, que representam a missão de vitalidade da empresa.

logounilever1

 

Agradecemos a leitura, compartilhe!

Home

Categorias

Nossos Portais

Nossos canais

Parceiros