Visit Us On TwitterVisit Us On FacebookVisit Us On LinkedinVisit Us On Instagram
Cosmetic InnovationCiência e Tecnologia Destaque InternacionalCientistas da Kao descobrem fluxo sanguíneo capilar ligado à beleza da pele

Cientistas da Kao descobrem fluxo sanguíneo capilar ligado à beleza da pele

  • Written by:

Nos testes da empresa japonesa de beleza, descobriu-se que mulheres entre os 20 e 30 anos com elevada função reguladora do fluxo sanguíneo tinham melhores texturas e padrões de pele

Pesquisadores da Kao Corporation concluíram testes que confirmam que a regulação do fluxo sanguíneo capilar está relacionada à beleza da pele.

Durante os testes, a empresa de beleza japonesa descobriu que mulheres entre vinte e trinta anos com elevada função reguladora do fluxo sanguíneo tendiam a ter melhores texturas e padrões de pele.

Enquanto isso, mulheres na faixa dos cinquenta e sessenta anos com função reguladora do fluxo sanguíneo mais elevada tinham células de tamanhos menores no estrato córneo.

Normalmente, o tamanho das células grandes é comum na pele envelhecida e é indicativo de renovação celular mais lenta, resultando em pele com aparência mais opaca e mais velha.

Para estudar ainda mais seus resultados, a empresa desenvolveu sua própria tecnologia de imagem, a fim de capturar as imagens dos capilares com alta precisão em microscópio.

Para fazer isso, as imagens dos capilares da pele foram divididas em componentes separados de hemoglobina, melanina e sombra.

O filtro foi, então, aplicado às imagens de hemoglobina para determinar visualmente os capilares com base em sua estrutura tubular.

Usando esse método, a Kao conseguiu construir um algoritmo para determinar os capilares em imagens microscópicas, com precisão.

A Kao afirmou que planeja estudar a alteração das condições dos vasos sanguíneos provocada pelo envelhecimento e pelo meio ambiente, a fim de analisar os efeitos nas variações da pele, como metabolismo, manchas escuras e linhas finas.

Possuindo apenas a espessura de uma célula, os capilares são os menores vasos sanguíneos do corpo, havendo tipos diferentes.

Os capilares contínuos permitem a passagem de gases, água, açúcar e alguns hormônios, exceto no cérebro.

Os capilares fenestrados contêm pequenos poros, por onde moléculas maiores são trocadas, sendo encontrados no intestino delgado e nos rins.

Enquanto isso, os capilares sinusóides permitem que moléculas maiores e até mesmo células passem através de sua parede.

Estima-se que existam dez bilhões de capilares no corpo humano; se eles fossem alinhados em fila única, seu comprimento chegaria a mais de 160 mil quilômetros, de acordo com a Verywell Health.

 

Fonte: cosmeticsbusiness 25.09.19

Agradecemos a leitura, compartilhe!

Home

Categorias

Nossos Portais

Nossos canais

Parceiros