Visit Us On TwitterVisit Us On FacebookVisit Us On LinkedinVisit Us On Instagram
Cosmetic InnovationCiência e Tecnologia Destaque Empresas & NegóciosDSM traz novas abordagens para combater o estresse urbano na pele

DSM traz novas abordagens para combater o estresse urbano na pele

  • Written by:
A nova abordagem “Cinco Ativos – Cinco Ações” ajudou a aumentar a vitalidade celular e a reduzir os marcadores de inflamação e os danos ao DNA

A DSM, uma das principais fornecedoras globais de ingredientes para produtos de cuidados pessoais, desenvolveu novas abordagens para proteger a pele do estresse urbano, o que inclui os danos ambientais, como poluição, sol e a luz azul dos dispositivos móveis, levando em conta novas ciências, como é o caso da epigenética, e seus impactos.  Os estudos de conceito concentraram-se na proteção biológica e no reparo por bioativos com resultados comprovados.

Cinco ativos, cinco ações

Embora encarados como uma tendência recente no universo dos cosméticos, os ativos antipoluição não são exatamente uma novidade. Há quase 20 anos, a DSM, por exemplo, já estava analisando os efeitos do ozônio sobre a pele e, em 1999, lançou seu primeiro ativo antipoluição para a pele, o Preregen PF. Com base nos avanços da ciência, a DSM agora se concentra em novas ciências, como a epigenética, que estuda as mudanças hereditárias na expressão dos genes, que ocorrem sem alterações na sequência de DNA, para avaliar como a poluição influencia as funções da pele.

Considerando que causas multifatoriais precisam de soluções multifuncionais, a empresa apresentou o conceito “Cinco Ativos – Cinco Ações”. Os cinco ativos combinados são: Alpaflor®, Edelweiss, Pepha®-Tight, Pepha®-Protect, Regu®-Fade e Preregen® PF. Com conhecido modo de ação e eficácia comprovada in vivo na aparência e sensação da pele, eles foram eleitos pela DSM para dar origem a uma proteção completa antipoluição.

A abordagem baseou-se em avanços científicos recentes para determinar como os principais ativos da empresa podem ser aplicados para melhorar o conforto, a proteção, a qualidade e a perfeição da pele, além de ajudar a reduzir manchas. Novos estudos in vitro foram realizados sobre os poluentes. Os parâmetros de foco foram o dano oxidativo, a disruptura da barreira cutânea, a redução da viabilidade celular, a indução da inflamação e a modulação epigenética. Os resultados mostraram que a nova abordagem “Cinco Ativos – Cinco Ações” ajudou a aumentar a vitalidade celular e a reduzir os marcadores de inflamação e os danos ao DNA.

Além de linhas e rugas

Quando se busca uma pele mais jovem e bonita, o primeiro pensamento é eliminar linhas e rugas, mas outros sinais de envelhecimento, que começam a surgir após os 30 anos, podem igualmente ter impacto na aparência da pele, como é caso dos poros faciais visíveis e as manchas de idade. Além do processo natural de envelhecimento, eles são agravados pela exposição ao sol.

A DSM apresenta como solução para essas preocupações o BeauActive®, um potente ácido hidroxiesteárico de alta pureza, produzido por bioconversão de ácido oleico derivado de girassol, usando a tecnologia verde exclusiva da DSM. Os pesquisadores descobriram que, in vitro, ele desencadeia efeitos multialvo nas células, melhorando as condições da pele. O BeauActive® também ajuda a pele a produzir mais colágeno, um fator essencial na prevenção e redução de poros faciais visíveis e dilatados.

Estudos in vivo confirmaram a eficácia do BeauActive® na redução dos poros faciais e das manchas de idade, dando à pele uma aparência mais jovem e renovada. Um diferencial importante no mecanismo de redução de manchas é que a maior parte de ativos com este benefício clareiam tanto a mancha em si quanto a pele ao redor dela. No caso do BeauActive®, a DSM conseguiu comprovar uma melhora no contraste da pele, clareando principalmente a mancha (mais do que a pele ao redor) e reduzindo a definição do seu contorno, de forma que o resultado final são manchas menos visíveis.

Proteção da pele contra a luz azul

A proteção da pele dos raios solares já é considerada uma necessidade essencial para a maioria das pessoas, mas ao usar um dispositivo eletrônico, como um smartphone, tablet ou similar, a pele também fica exposta aos efeitos da luz azul, que penetra profundamente na pele e tem a capacidade de danificar todas as camadas.

Com base científica sobre os recentemente identificados danos da luz azul na pele, a DSM desenvolveu um conceito para combater esses danos e acaba de apresentar formulações complementares para oferecer proteção total.

Esse conceito inclui filtros UV – como o Parsol® TX – e também ativos que bloqueiam a luz azul – vitaminas seletivas, como a Niacinamida PC, para reduzir o estresse oxidativo, além do novo bioativo à base de algas, PEPHA®-Age, que estimula a própria defesa da pele.

Para chegar ao desenvolvimento do PEPHA®-Age, os pesquisadores da DSM identificaram, pela primeira vez, o potencial das algas de água doce Scenedesmus rubecens, para estimular a própria defesa da pele contra o impacto negativo da luz solar. Estudos ampliados sobre colágeno III, radicais livres e proteção de células epidérmicas confirmaram a capacidade de proteção e regeneração notáveis ​​dessa alga contra os efeitos causados ​​pela luz UV e azul, além do efeito anti-glicante, oferecendo assim uma proteção completa. Em resumo, O PEPHA®-Age permite que a pele crie um escudo natural para se proteger de maneira mais eficaz contra o foto-envelhecimento.

Agradecemos a leitura, compartilhe!

Home

Categorias

Nossos Portais

Nossos canais

Parceiros