Visit Us On TwitterVisit Us On FacebookVisit Us On LinkedinVisit Us On Instagram
Cosmetic InnovationNovos produtosIngrediente estimula crescimento capilar e pode ser usado na sobrancelha

Ingrediente estimula crescimento capilar e pode ser usado na sobrancelha

  • Written by:
Com duplo mecanismo de ação, Melatonina tópica, novidade da Pharmapele, atua contra a queda capilar por inibir a morte das células que produzem queratina (composição da maior parte do cabelo) e por ser antagonista do hormônio que estimula a queda capilar

A Pharmapele apresenta a melatonina tópica, uma novidade no tratamento capilar antiqueda, que estimula o crescimento e melhora a densidade dos fios. “O ativo é inovador e apresenta mecanismos de ação complementares para atuar contra o envelhecimento capilar e combater a queda de forma geral”, explica a farmacêutica Luisa Saldanha, diretora da rede de farmácia de manipulação Pharmapele, com sede no Recife (PE). O ativo está disponível nas franquias da marca em todo o Brasil.

Segundo a médica Dermatopatologista Dra. Patricia Cruz, Mestre pela Universidade do Porto (Portugal) e com Master em Tricologia Pela Universidade da Catânia (Itália), a molécula de melatonina é muito interessante no campo tricológico pela sua gama de efeitos benéficos no tratamento contra a queda capilar. “A substância impulsiona o bom andamento da multiplicação das células germinativas do bulbo, confere maior resistência ao estresse oxidativo, seja por estressores externos ou internos e tem ação antagonista contra a DHT (di-hidrotestosterona), hormônio que é ligado à queda capilar”, explica a médica. “O ingrediente figura também como droga de escolha para auxiliar no tratamento da alopecia e eflúvios telogênicos em pacientes de todas as idades e com praticamente todas as condições de sensibilidade cutânea”, acrescenta. Nenhum efeito adverso é relatado em literatura científica. “O uso dessa substância ainda melhora a resistência das células epidérmicas e dérmicas contra o dano causado pela radiação, tendo efeito fotoprotetor e antiaging cutâneo.”

A melatonina tópica trata o estágio inicial da alopécia androgenética, causa mais comum da perda dos cabelos em homens e mulheres. “A prevalência do problema é de 12% em homens entre 18 e 29 anos, sendo que na faixa de 40 a 49 anos metade deles sofre com a queda capilar. Já nas mulheres, afeta 17% entre 30 e 39 anos, e 25% entre 50 e 69 anos (pós-menopausa)”, conta Luisa.

Mecanismos de ação — A médica Dra. Patricia ainda ressalta que estrutura química da melatonina tem alta afinidade tanto pela água, como pelos lipídeos das membranas celulares, o que garante penetração até o interior das células, onde apresenta um importante papel protegendo os componentes intracelulares do dano oxidativo. “O ingrediente induz a reparação do DNA e protege contra agressores oxidativos”, comenta.

A pele tem receptores de melatonina e a aplicação tópica atua com importante papel na regulação do ciclo capilar por inibir a morte de queratinócitos — células responsáveis por produzir queratina, proteína que compõe o fio de cabelo. “A melatonina atua durante todo o ciclo capilar, prolongando as fases anágena (de crescimento) e catágena (de regressão)”, explica a farmacêutica. Além disso, a melatonina tópica também age mediada por receptores andrógenos e estrógenos, hormônios fundamentais no controle do crescimento capilar. “Quando atinge a raiz do cabelo, a testosterona sofre a ação de uma enzima que, consequentemente, reduz a velocidade de multiplicação das células e também provoca a sua morte. O resultado disso é um cabelo mais fino e com lento crescimento”, explica a farmacêutica. “A melatonina atua como antagonista da di-hidrotestosterona (DHT), deslocando esse hormônio de seu receptor. Então, a melatonina impede a reação que causa a queda de cabelo”, acrescenta Luisa.

Principais tratamentos — Problema das mais variadas origens, a queda do cabelo deve ser tratada essencialmente de acordo com a causa do problema. “Podemos prescrever desde loções e shampoos anti-inflamatórios a medicação oral para diminuir a oxidação ao redor do folículo piloso ou simplesmente para suprir carência nutricional; ou até mesmo tratamentos com injeção de substâncias direto na derme do couro cabeludo, uso de laser de baixa frequência, uso de LEDs e realização de procedimentos como microagulhamento, podendo ser seguido de drug delivery”, explica a médica.

Outra vantagem da melatonina é que ela tem boa capacidade de adaptação aos mais diversos ambientes e veículos, podendo ser amplamente associada com as mais diversas moléculas (como Minoxidil, Ginkgo Biloba, Green Tea e Biotina) e terapias, inclusive com LED vermelho.

Modo de usar — O produto pode ser utilizado no cabelo, na barba e na sobrancelha. A farmacêutica diz que a solução tópica capilar pode ser manipulada em shampoos e loções, sugerindo uma fórmula para lavar o cabelo (Melatonina 0,1% em associação a 1% de PCA Zn e 0,5% de D-Pantenol) e uma de tratamento (0,1% de melatonina em associação a 5% de Minoxidil, 5% de Ginkgo Biloba e 0,1% de biotina). O shampoo deve ser aplicado no couro cabeludo com movimentos circulares, deixar agir por um minuto e enxaguar em seguida. Já a loção capilar deve ser usada uma vez ao dia, à noite, após higienização do couro cabeludo. “É necessário remover no dia seguinte”, conta.

Para barba e sobrancelha, a farmacêutica indica séruns (0,1% de melatonina em associação a 5% de Minoxidil, 5% de Ginkgo Biloba e 0,1% de biotina) que devem ser aplicados uma vez por dia, à noite, após higienização.

Resultados — Estudo clínico realizado com 35 homens, com idade entre 18 e 40 anos, portadores de alopecia androgenética, usaram solução capilar com melatonina, aplica uma vez ao dia, à noite, durante seis meses. Por meio de um equipamento que avalia a contagem, densidade, proporção da fase anágena e telógena e diâmetro capilar, o estudo concluiu que: houve aumento da contagem capilar (29,2% após três meses e 42,7% após seis meses) e da densidade capilar (aumento de 29,1% em três meses e 40,9% em seis meses.

Fonte: Pharmapele

Agradecemos a leitura, compartilhe!

Home

Categorias

Nossos Portais

Nossos canais

Parceiros