Visit Us On TwitterVisit Us On FacebookVisit Us On LinkedinVisit Us On Instagram
Cosmetic InnovationEmpresas & NegóciosL’Oréal tem lucro líquido de 2,33 bilhões de euros no 1° semestre

L’Oréal tem lucro líquido de 2,33 bilhões de euros no 1° semestre

  • Written by:

A fabricante francesa de cosméticos L’Oréal registrou lucro líquido de 2,33 bilhões de euros no primeiro semestre de 2019, alta de 2,3% ante igual período do ano anterior.

O número ficou levemente abaixo do que era esperado por analistas que acompanham a empresa, que apontavam lucro de 2,46 bilhões na primeira metade do ano, segundo a Dow Jones Newswires.

De janeiro a junho, as vendas somaram 14,81 bilhões de euros, 10,6% maiores que as registradas um ano antes e 7,3% maiores em termos comparáveis. Especificamente no segundo trimestre, a receita com vendas atingiu 7,26 bilhões, 9,8% acima da registrada no mesmo período de 2018 e 6,8% maior em termos comparáveis.

No primeiro semestre, a divisão de luxo foi a que apontou o maior crescimento na receita, de 17,3%, seguida pela divisão de cosméticos ativos (avanço de 15,1%), produtos de consumo (aumento de 6,4%) e produtos profissionais (alta de 5,1%).

Em relatório que acompanha o balanço, a administração da L’Oréal destacou que a divisão de consumo no Brasil segue enfrentando dificuldades, enquanto as outras divisões apresentaram crescimento.

Na América Latina, as vendas comparáveis aumentaram 1,9% no primeiro semestre e 0,2% no segundo trimestre. Sem ajustes, a receita recuou 0,5% na primeira metade de 2019 e aumentou 0,1% no segundo trimestre.

Quando ao Brasil, a L’Oréal continua enfrentando dificuldades na divisão de produtos para o grande público, que abrange marcas como Niely, Garnier, Maybelline e L’Oréal Paris.

Em 2018, a L’Oréal perdeu participação de mercado nas categorias de cuidados com os cabelos e maquiagens, conforme dados da Euromonitor International.

As vendas ao consumidor feitas pela multinacional na categoria de produtos para os cabelos caíram 5,2% em 2018 na comparação com o ano anterior.

No segmento de maquiagens, a L’Oréal registrou queda de maior, de 8,4%. Nos dois casos, aumentou a concorrência com Unilever, Coty e Natura, e também com as marcas menores. O país é o quarto maior mercado do mundo em produtos de cosméticos e higiene.

Por outro lado, o relatório de resultados da companhia indicou que as divisões de luxo, produtos profissionais e cosmética ativa estão crescendo no Brasil.

A divisão de luxo engloba itens das marcas Lancôme, Giorgio Armani e Yves Saint Laurent vendidos em lojas de departamento, perfumaria e comércio eletrônico.

Os produtos profissionais abrangem a marca Kérastase, por exemplo. A área de cosmética ativa inclui as marcas Vichy, La Roche-Posay, CeraVe e SkinCeuticals.

 

 

 

Fonte: Valor Econômico 30.07.19

Agradecemos a leitura, compartilhe!

Home

Categorias

Nossos Portais

Nossos canais

Parceiros