Visit Us On TwitterVisit Us On FacebookVisit Us On LinkedinVisit Us On Instagram
Cosmetic InnovationMintel RadarMintel revela dados de pesquisa sobre o uso de kits de coloração e descoloração

Mintel revela dados de pesquisa sobre o uso de kits de coloração e descoloração

  • Written by:

23% dos brasileiros disseram ter usado kits de coloração e 18% kits de descoloração nos fios nos últimos 12 meses, revela Mintel

Kits de coloração ou de descoloração para os cabelos (que incluem a tintura, luvas, potes para mistura, entre outros itens) para serem aplicados em casa foram uns dos produtos de tintura mais citados pelos brasileiros em pesquisa Mintel parte do relatório de Coloração para Cabelos. De acordo com a pesquisa do consumidor, 23% dos brasileiros disseram ter usado kits de coloração nos cabelos nos últimos 12 meses e 18% afirmaram ter usado kits de descoloração. Isso pode significar que os brasileiros buscam conveniência e facilidade na hora de usar um produto de coloração nos fios, já que comprando um kit, eles ganham todos os utensílios necessários para colori-los.

Com os serviços de customização atingindo cada vez mais categorias de beleza, as marcas têm potencial para lançar serviços nos quais os consumidores criem os seus próprios kits de coloração. Eles poderiam, nesse caso, trocar um potinho de mistura por um pincel que estejam necessitando, ou colocando dois pares de luvas ao invés de outro item etc. Tigelas personalizadas, ou com temas que sejam da atualidade (por exemplo, Dia dos Namorados, Jogos Olímpicos, Dia das Mães etc.) poderiam também atrair os consumidores a continuar comprando os kits.

Outra ideia seria focar em certos grupos socioeconômicos. De acordo com o relatório Mintel, de Marketing para os Solteiros, de 2015, 14% dos solteiros disseram passar a maior parte do tempo livre em casa e sozinhos, em comparação com 6% dos não solteiros. Então por exemplo, comunicar um novo kit para quem está sozinho e tem tempo para experimentar novos looks, pode atrair esses consumidores solteiros.

A Mintel revela que as mulheres com 45 anos ou mais são mais propensas do que as mulheres mais jovens a usar tinturas permanentes nos fios. Segundo a pesquisa, 46% das mulheres entre 45 e 54 anos e 42% com 55 anos ou mais disseram ter usado tintura permanente nos cabelos nos últimos 12 meses. Entre as jovens de 16 a 24 anos, essa porcentagem cai para 30%, e entre as mulheres com 25 a 44 anos, 34%. Em compensação, essas jovens são mais propensas do que as mais velhas a usar produtos que saiam mais rápido, como as tinturas semipermanentes (25% das mulheres de 16 a 24 anos declararam usá-las, versus 21% das com 55 anos ou mais) e as tinturas temporárias (23% entre 16 e 24 anos afirmaram usá-las, em comparação com 14% com 55 anos ou mais).

Isso pode significar que as mulheres mais maduras (que provavelmente têm mais fios brancos do que as mais jovens) procuram mais por produtos de coloração que durem mais tempo e que possuam amônia, dando uma cobertura completa aos fios brancos. Quanto às jovens, elas parecem procurar por produtos que deem uma modificada no visual e que não permaneçam tanto tempo nos fios, podendo assim mudar de cor novamente depois. Criar kits de vários produtos com diferentes nuances, por exemplo, poderiam atrair essas jovens de 16 a 24 anos.

Mais informações sobre o relatório Coloração para Cabelos ou quaisquer outros produtos/serviços Mintel, entre em contato pelo e-mail brasil@mintel.com ou 11-3230 1004.

yuzo_related_post_metabox:
a:1:{s:21:"yuzo_disabled_related";N;}

Agradecemos a leitura, compartilhe!

Home

Categorias

Nossos Portais

Nossos canais

Parceiros