Visit Us On TwitterVisit Us On FacebookVisit Us On LinkedinVisit Us On Instagram
Cosmetic InnovationEmpresas & NegóciosNeurona fortalece negócios com os setores químico, de personal care e farmacêutico

Neurona fortalece negócios com os setores químico, de personal care e farmacêutico

  • Written by:
Agência de design e branding participou com nove clientes na in-cosmetics

A última edição da in-cosmetics, realizada nos dias 20 e 21 de setembro, em São Paulo, foi emblemática para a Neurona. Foram nada menos que nove empresas que confiaram seus serviços à agência de design e branding, que está no mercado desde 2009 e tem seu trabalho focado em B2B para os setores cosmético, farmacêutico e químico. Foram elas: Angus, Vantage, Ajinomoto, Citróleo, Thor, Gattefosse, Symbios, DPV e Innovasell.

Daniel Faulin, diretor de projetos da Neurona, explica que a agência começou há três anos a direcionar seu posicionamento especificamente para os públicos B2B desses mercados, oferecendo soluções em branding, identidade e comunicação. Durante esse tempo foi possível compreender toda dinâmica e atmosfera de negócios das empresas, o que facilitou entender o que precisavam e como ajudá-las. “Então, aprimoramos o nosso discurso, investimos em estratégias de marketing e relacionamento para nos aproximar e estamos evoluindo constantemente. A cada ano que passa, nosso trabalho ganha mais reconhecimento e ficamos mais conhecidos. Às vezes, acontece de algumas empresas virem nosso trabalho e chegarem até nós dizendo: ‘quero isso pra gente também’”.

Peculiaridades

“É interessante destacar que todos os nossos projetos são pensados e elaborados com foco na estratégia, sempre aliamos o design inteligente aos objetivos da empresa, estes geralmente transitam entre: comercial, marketing e institucional”, conta Faulin, que aponta as principais peculiaridades desses mercados:

  1. Falta de tempo: os executivos geralmente dividem suas funções com o marketing, assim não sobra muito tempo para pensar em divulgação e posicionamento da marca, em qual o conceito mais adequado para a estratégia de vendas e de que forma eles devem comunicar isto para o mercado. Nós auxiliamos em todas as etapas, desde a criação do conceito alinhado ao branding da empresa até o desenvolvimento da comunicação, o que resulta em estratégias bem definidas e assertivas;
  1. Linguagem técnica, venda complexa: os públicos-alvo dessas empresas são formados por pessoas de linguagem técnica. Então, comunicar seus benefícios e diferenciais técnicos de maneira atrativa se torna um desafio. Nós conseguimos compreender o modelo de negócio, a linguagem técnica, os diferenciais e o que precisam para comunicar de maneira assertiva. A partir daí, aplicamos as nossas soluções em branding, identidade e comunicação de maneira personalizada para que as estratégias atinjam seus objetivos;
  1. Muito esforço em vendas, pouco investimento na marca: identificamos que muitas empresas são carentes de uma divulgação coerente com a qualidade de seus produtos, pois, em busca de resultados, focam seus esforços totalmente nas vendas e deixam de lado os investimentos na marca. Com este cenário, o nosso trabalho junto a essas empresas é desenvolver estratégias de vendas mais efetivas, empoderando os vendedores com materiais técnicos diferenciados e exposição impactante e assertiva da marca nos principais pontos de contato durante a jornada de compra. Tudo para que a empresa tenha uma imagem forte perante o mercado e ofereça o suporte de uma marca bem posicionada.

Como se destacar

Para uma empresa fornecedora de insumos para o setor cosmético se destacar no mercado, de acordo com o Faulin, é necessário que ela desenvolva estratégias de posicionamento e comercial, que a coloquem no cotidiano dos seus públicos, em diversos pontos de contato e de forma integrada para que estabeleça uma conexão a cada nova experiência com a marca. “Dessa forma, ela vai conquistar um espaço na mente do seu público-alvo que, quando precisar de determinados produtos, não vai hesitar em procurá-la. Há diversas maneiras de se fazer presente”, garante. O designer, que ressalta que o planejamento é fundamental, também dá algumas dicas:

  1. Compreenda a proposta de valor da sua empresa e observe quais são seus diferenciais competitivos, tanto institucionais como de produtos;
  1. Entenda o que seu público realmente precisa e de que maneira você pode auxiliá-lo com informações relevantes;
  1. Identifique quais materiais e ferramentas vão dar suporte para sua equipe de vendas oferecer de maneira eficiente todas as linhas de produtos. Estes materiais devem auxiliar na venda, fortalecer o discurso e, assim, destacar o posicionamento da marca para potencializar a experiência positiva naquela e em todas as abordagens. Exemplos de materiais estratégicos podem ser: apresentações institucionais, apresentações de produtos, catálogos, datasheets, brochuras, etc.
  1. Faça um planejamento anual e defina metas e objetivos claros para quais produtos de quais representadas (no caso de distribuidores) precisarão de destaque em ações de mídia – digital ou impressa, campanhas de newsletter, entre outros;
  1. Padronização de todos os materiais de comunicação da empresa para que, desta forma, os públicos criem uma rápida identificação quando em contato com qualquer material;
  1. Invista tempo para renovar as estratégias de exposição da marca, inovando em materiais diferenciados e novas maneiras de divulgar a empresa e seus produtos, adaptando-se sempre aos objetivos e metas daquele momento.
  1. Descubra onde está seu público, quais mídias eles consomem e esteja presente. Além disso, é interessante investir esforços para um website impactante, ações em social media, campanhas de newsletter, anúncios em mídias especializadas, etc.

Case de sucesso

Como exemplo do trabalho desenvolvido na agência, Faulin cita o case Citróleo (http://www.neurona.com.br/2016/11/uma-nova-citroleo-chegou/). “Tivemos a oportunidade de trabalhar  todas as nossas soluções em branding, identidade e comunicação para fortalecer a marca e posicioná-la de maneira mais assertiva para os mercados em que está presente”, explica.

“Sempre reforçamos a nossa filosofia. É nosso mantra: ‘Criamos experiências positivas entre marcas e pessoas, para gerar negócios mais afetivos e efetivos’. Nesse sentido, a Neurona surge como a conexão criativa entre razão e emoção para as empresas do universo”, finaliza.

Agradecemos a leitura, compartilhe!

Home

Categorias

Nossos Portais

Nossos canais

Parceiros