Visit Us On TwitterVisit Us On FacebookVisit Us On LinkedinVisit Us On Instagram
Cosmetic InnovationProteção Solar RadarNovas tecnologias para proteção solar

Novas tecnologias para proteção solar

  • Written by:

Embora a atenção do público quanto à importância da proteção solar redobre nas estações mais ensolaradas do ano, a indústria está sempre atenta às novidades que envolvem a proteção da pele. 

Tendências como o uso de tecnologia e a valorização da beleza natural têm revolucionado o mercado e tornado esses cosméticos mais funcionais, eficazes e atraentes para o consumidor.

Para ter um panorama do mercado de proteção solar e das novas oportunidades desse segmento, confira o que preparamos a seguir!

O mercado de proteção solar

De acordo com a Euromonitor, agência de pesquisa de mercado, a proteção facial é um dos principais fatores que impulsionam o crescimento da área de cosméticos no Brasil.

A pesquisa, divulgada em um portal especializado, aponta que o Brasil é o segundo país no ranking global dos maiores consumidores de protetores solares, perdendo apenas para os Estados Unidos.

Além da conscientização dos consumidores, há maior interesse em torno dos dermatologistas e das rotinas de cuidados da pele (skincare), popularizadas por conteúdos de autocuidado que ganham as redes sociais.

O papel da tecnologia na proteção solar

A proteção solar evoluiu bastante com os avanços da indústria cosmética e da tecnologia. Se, antes, os protetores eram pegajosos, não resistiam à água e se restringiam ao público feminino, devido às dificuldades de diálogo com os homens; hoje, eles já estão disponíveis em diversos formatos, atendendo a diferentes públicos e ocasiões.

Além do creme tradicional, há também o spray, o gel (comumente indicado para peles mais oleosas), o mousse, o bastão e as cápsulas, que devem ser ingeridas. Afinal, a proteção solar está longe de restringir-se às praias ou aos ambientes abertos.

O uso da tecnologia não se restringe ao cosmético, mas também à conscientização. Uma das maiores marcas do mercado, em parceria com uma agência, lançou um binóculo com lentes superzoom e filtros que detectavam raios UV para identificar se os banhistas estavam devidamente protegidos do sol.

Na ação, os representantes da marca abordaram os banhistas identificados como desprotegidos e os conscientizaram sobre os cuidados necessários.

Proteção solar e rejuvenescimento da pele

Hoje, o mercado já disponibiliza protetores solares que contêm substâncias capazes de auxiliar no rejuvenescimento da pele. É o caso do canabidiol e dos óleos de frutas. Os agentes antioxidantes, bem como a vitamina C e o resveratrol, previnem o envelhecimento e até aprimoram o aspecto da pele.

Uma das maiores marcas nacionais trouxe, para a sua linha anti-idade, um protetor com propriedades de clareamento, que, além de proteger contra os raios UVB e UVA, também clareia áreas escurecidas e previne a hiperpigmentação. O produto é aliado a um concentrado de aroeira, que ajuda a regular a produção de melanina. Essa é a prova de que a tecnologia pode e deve ser aliada a agentes naturais, de grande apelo entre o público.

Produtos multifuncionais

As pessoas estão com o dia a dia cada vez mais atribulado. Cumprir rotinas complexas de skincare podem demandar muito tempo, por isso, produtos multifuncionais como o BB Cream caem no gosto do público. A lógica de formulação desses produtos tem ganhado o mercado de cosméticos voltados à proteção solar, de modo que eles ofereçam não só proteção solar, mas também cuidem da hidratação, do brilho e do bronzeamento, protejam contra a poluição e deem tonicidade à pele.

Proteção contra a areia

Um dos aspectos mais incômodos da proteção solar é a necessidade de retocar o produto na praia. Nesses ambientes, o protetor acaba fazendo com que a areia grude por todo o corpo, pois é comum que sua formulação contenha óleos e outras substâncias que dão o aspecto de “melado”.

Para resolver esse problema, algumas marcas têm adicionado aos protetores substâncias que têm a função “antiareia”, que não permite que os grãos tenham aderência à pele.

Filtros contra a luz visível

Uma boa parte das pessoas já conhece os danos causados à pele pela radiação UV, sendo eles rugas, manchas e envelhecimento precoce. Contudo, cresce, também, a conscientização sobre os danos causados pela luz emitida por celulares, tablets, computadores e outras telas, a chamada luz visível ou azul.

Por penetrar profundamente na pele, essa luz pode agravar o melasma, acelerando o envelhecimento cutâneo e a geração de radicais livres, gerando hiperpigmentação e glicação de proteínas e piorando doenças de pele — os mesmos danos provocados pelos raios UVA. Por isso, alguns fabricantes têm incorporado agentes que defendem não só da radiação ultravioleta, mas também da infravermelha e da luz visível.

Exemplo disso é a tecnologia Pepha®-Age, produzida com o auxílio de algas marinhas, que protegem contra a luz azul e estimulam a produção de colágeno. Com isso, o estresse oxidativo dos radicais livres é reduzido, evitando a glicação de proteínas da pele.

A empresa responsável aliou o princípio ativo a outros agentes, destacando-se sob o conceito da proteção total. Para isso, ela utiliza também um filtro solar à base de dióxido de titânio revestido (que reflete grande parte da radiação que chega à pele) e vitaminas especiais, a DL-α-Tocopherol e a Niacinamide PC.

Essas tecnologias podem ser aliadas a agentes antipoluição e formatos que facilitam a aplicação, como o mousse, o formato bastão e o spray pulverizador, que podem ser aplicados por cima da maquiagem e facilitam retoques rápidos e em áreas específicas.

Valorização da biodiversidade e da beleza natural

Tendências como a valorização da beleza natural e da biodiversidade não poderiam passar longe do mercado de proteção solar. Observa-se que uma boa parte das pessoas já não deseja mudar o aspecto da pele, mas cuidar dela como ela é e, se possível, com agentes naturais que não agridam a natureza.

Por isso, marcas que produzem produtos segmentados às necessidades de cada tipo de pele e têm iniciativas de preservação do meio ambiente se sobressaem. Uma grande marca internacional, por exemplo, lançou um produto especialmente desenvolvido para a pele brasileira.

As formulações foram além da prevenção ao câncer de pele e de queimaduras, alcançando, também, agentes que protegem contra a poluição do ar e a luz visível e reduzem o envelhecimento da pele.

Além disso, a proteção UV é uma função essencial em diversas categorias de beleza. Ela está presente em batons, corretivos, bases, hidratantes e outros. Para se sobressair no mercado, os protetores solares precisam agregar mais benefícios.

 

 

 

Fonte: Talk Science 24.10.19

Agradecemos a leitura, compartilhe!

Home

Categorias

Nossos Portais

Nossos canais

Parceiros