Visit Us On TwitterVisit Us On FacebookVisit Us On LinkedinVisit Us On Instagram
Cosmetic InnovationRadar WGSNWGSN aponta a direção para onde as marcas estão mirando

WGSN aponta a direção para onde as marcas estão mirando

  • Written by:

Tecnologia humanizada e capitalismo colaborativo são algumas das apostas para encarar o mercado

O ano de 2019 tem sido marcado por um período de ação, não se restringindo apenas aos momentos de reflexão. As pessoas estão mais criteriosas e atentas em relação ao impacto de suas escolhas a longo prazo. Os consumidores estão atraídos por temas relacionados ao bem-estar, como saúde emocional e sustentabilidade – o que pressiona as marcas a combinar lucro e propósito, assumindo um papel mais significativo na vida das pessoas com quem se relacionam (e não apenas que consomem seus produtos). Juntos, criarão um ecossistema de mudanças, onde as respostas a temas como a demanda por produtos sustentáveis irão resultar em uma nova era de relações econômicas circulares.

Analisando esses novos hábitos do consumidor, a WGSN, líder mundial em previsão de tendências, traça as diretrizes para marcas, que querem estar cada vez mais conectadas com o “novo” consumidor, adotarem ainda este ano. Confira:

1. Capitalismo colaborativo: Permita que os seus usuários e funcionários sejam coproprietários da empresa. Além do apoio financeiro, essa estratégia irá garantir lealdade e comprometimento vitalício.

2. Lideranças progressistas: O engajamento social e a responsabilidade ambiental deixaram de ser opcionais – eles agora são requisitos básicos para que a sua marca se prepare para o futuro. Repense o seu papel e a sua estratégia para responder de modo eficiente às questões que importam para os consumidores.

3. Diplomacia digital: Cada vez mais, os usuários exigirão transparência. Eles querem novas ferramentas para avaliar a qualidade da tecnologia que consomem. Invista em certificações e regulamentações para atender ao desejo do consumidor por transparência e ética.

4. Dados humanos: Apresente os seus termos e condições ao consumidor de modo simples e de fácil entendimento. Seja transparente em relação ao uso e ao gerenciamento dos dados dos clientes e recompense-os quando eles concordarem com os termos de uso.

5. Tecnologia humanizada: Reavalie seus produtos e serviços. Entregue aos usuários uma experiência que seja sobretudo humana, confortável e familiar.

6. Design restaurador: Os pensamentos crítico e de design não devem acontecer mais de forma isolada, as empresas precisam criar soluções para temas como sustentabilidade, cadeia de suprimento, logística e desenvolvimento de produtos. O futuro da indústria é colaborativo e ecossistêmico.

 

 

 

Fonte: WGSN

Agradecemos a leitura, compartilhe!

Home

Categorias

Nossos Portais

Nossos canais

Parceiros